• EN
  • Facebook
  • Instagram
Você está em: Início > Subárea Científica - Ciências do Movimento

Subárea Científica - Ciências do Movimento

Apresentação Geral

A Subárea Científica Ciências do Movimento constitui-se como grupo funcional, com predomínio de ação em investigação aplicada, em articulação com a formação académica e com as necessidades da comunidade; enquadrando-se, na Escola Superior de Desporto de Rio Maior do Instituto Politécnico de Santarém, na Área Científica Ciências do Desporto.
O campo das áreas de conhecimento ora cooptadas expressa-se em 3 ramos:

  1. O sistema do movimento humano - os mecanismos e processos biomecânicos, cinesiológicos e ergonómicos, intrínsecos ao movimento;
  2. Comportamento motor - os mecanismos e processos de regulação, acomodação e adaptação, nas várias fases do desenvolvimento motor; e,
  3. Movimento em envolvimentos específicos - mecanismos e processos de aculturação, enculturação, incorporação e imersão de práticas e valores corporais.

Tendo como referência a sistematização da FCT, a Subárea Científica Ciências do Movimento enquadra-se nos seguintes domínios científicos "Ciências Exatas e da Engenharia" e "Ciências Sociais e Humanidades"; respetivamente, nas seguintes Áreas Científicas "Bioengenharia, Biotecnologia e Bioquímica" e "Instituições, Valores, Crenças e Comportamento"; e, respetivamente, nas seguintes Subáreas Científicas "Biomecânica" e "Antropologia".

Definição da subárea científica

Em termos de áreas de conhecimento e áreas disciplinares, estrutura-se do seguinte modo (por ordem alfabética): Biomecânica, Cinesiologia e Comportamento Motor.
A Biomecânica procura medir, modelar, explicar, equacionar, categorizar e catalogar os padrões dos movimentos, contribuindo para o entendimento do movimento desportivo e dos fatores que constrangem a sua otimização; para a simulação dos novos movimentos e das respetivas exigências morfofuncionais; para a promoção de adequação de materiais e instrumentos de realização desportiva; e, para a prevenção e terapia de lesões desportivas; envolvendo, portanto, o treino em si mesmo, os meios auxiliares de treino, o equipamento desportivo e a técnica desportiva. No âmbito das Ciências do Movimento, contribui também para outras áreas como: reabilitação física; reabilitação motora; tecidos e biomateriais; e, ergonomia.

A Cinesiologia é conhecida como sendo o estudo do movimento humano do ponto de vista da física, na busca da performance, considerando o corpo como uma máquina que realiza trabalho, segundo três vertentes de estudo: anatómica, fisiológica e mecânica; com especificidade para o conhecimento da anatomia músculo-esquelética, a fisiologia neuromuscular e a biomecânica, com vista ao conhecimento do movimento humano, no quotidiano e na prática desportiva, integrado nos diferentes contextos sociais, procurando contribuir para o aumento da sua performance e da qualidade de vida do ser humano.

A área de conhecimento do Comportamento Motor estuda no comportamento humano através do movimento e do corpo, no contexto da cultura do desporto e das práticas corporais, culturas essas assumidas como integradas no envolvimento social; e, contempla as áreas de conhecimento e disciplinares Desenvolvimento Motor, Aprendizagem Motora e Controlo Motor, partilhando conteúdos científicos, teorias e de métodos. A área de conhecimento e disciplinar Controlo Motor concerne ao estudo de como o sistema neuromuscular funciona para ativar e coordenar músculos e membros envolvidos na prestação motora de habilidades motoras já adquiridas ou novas. A área de conhecimento e disciplinar Aprendizagem Motora concerne ao estudo da aquisição da habilidade motora, e do papel essencial da prática, da experiência e da organização do contexto de prática. A área de conhecimento e disciplinar Desenvolvimento Motor estuda as mudanças observáveis no comportamento motor ao longo da vida; carecendo da articulação com outras áreas de conhecimento, desde a Biologia à Antropologia, decorrente da complementaridade e mutualidade entre corpo e envolvimento.

Objetivos da Subárea Científica

  1. Promover e coordenar a atividade científica no domínio da atividade motora, nas áreas da biomecânica, do controlo motor, da aprendizagem motora, do desenvolvimento motor e da cinesiologia, constituindo-se estas como as suas principais linhas de investigação, predominantemente aplicada;
  2. Desenvolver projetos de investigação e desenvolvimento, e submetê-los a financiamento;
  3. Promover e difundir o conhecimento científico através de publicações em livro ou artigos científicos;
  4. Promover e difundir o conhecimento científico através da organização de eventos científicos, criação de cursos técnicos e de formação avançada;
  5. Promover o intercâmbio e/ou cooperação com instituições nacionais ou internacionais nos domínios da investigação ou da formação especializada;
  6. Promover a prestação de serviços à comunidade, nos seus domínios;
  7. Propor a criação de cursos de especialização profissional, de formação inicial e de formação pós-graduada.

DOCENTES AFILIADOS:

Coordenador:

  • David Catela, Professor Coordenador
  • Subcoordenador:

  • Marco Branco, Professor Adjunto
  • Membros:

  • Ana Luiza Cândido Silva Rodrigues Serrão Arrais, Professor Adjunto Convidado
  • Ana Paula de Lemos Teixeira e Seabra, Professor Adjunto
  • António Manuel Vitória Vences de Brito, Professor Adjunto
  • Cristiana Isabel André Mercê, Assistente Convidado
  • Mário André Rodrigues Ferreira, Professor Adjunto convidado
  • Vítor Manuel Alves Milheiro, Professor Adjunto
  • Regulamento da Subárea Científica de Ciências do Movimento

    Relatório Atividades I&D 2020 da SAC